03 Agosto 2017

PORQUE RAZÃO OUÇO UM BARULHO ALTO NA TUBULAÇÃO QUANDO FECHO UM REGISTRO?

Muitas vezes, quando se realiza uma instalação, especialmente para a distribuição de água potável, se subestima o problema do golpe de aríete, isto é, a propagação de sobrepressões e depressões ao longo da tubulação.

Esse fenômeno, de fato, é capaz de causar vários problemas, tais como:

  • Ruídos e vibrações;
  • Ruptura dos tubos;
  • Danos dos boilers;
  • A ruptura de membranas das VRP e dos vasos de expansão;
  • Deterioração de válvulas de corte, válvulas de retenção e regulação;
  • Possível quebra de torneiras de distribuição.

O golpe de aríete pode ocorrer em todas as tubulações fechadas, como um resultado de súbitas paragens ou acelerações de fluido que passa através delas.

Estas alterações súbitas nas condições do fluxo de água, surgem do fecho rápido de válvulas com torneiras de alavanca de curso curto (por exemplo, os clássicos misturadores monocomando cada vez mais comuns) ou para a paragem de uma bomba.

Para deixar claro a magnitude da sobrepressão que pode ser gerada no interior das tubulações, basta pensar que, em um tubo de cobre ½", com uma velocidade inicial de água de 2 m/s e um tempo de fechamento de 14 ms, você pode obter um aumento na pressão de cerca de 30 bar.

Para evitar que estas sobrepressões recaiam sobre os vários componentes do sistema, gerando os problemas mencionados acima, pode instalar um dispositivo de amortecimento de golpe de aríete.

 

 

Estes dispositivos podem ser mecânicos (mola) ou hidropneumáticos (almofada de ar permanente ou recuperável).

Os dispositivos do tipo mecânico, tais como o ANTISHOCK Série 525, são constituídos por um cilindro (1), dividido em duas câmaras (2) e (3) e por um êmbolo com duplo O-ring para uma vedação mais segura (4).
A câmara fechada (2) contém ar e actua como uma almofada, enquanto que a câmara aberta (3) está ligada directamente ao tubo e enche-se com água. A mola (5) contida no interior da câmara fechada funciona em conjunto com a compressão do ar para equilibrar a pressão da água que chega à câmara aberta, absorvendo assim o golpe de aríete que ocorre na tubulação antes de prosseguir para os restantes componentes do sistema. A instalação correcta deste dispositivo deve prever o seu posicionamento tão perto quanto possível do ponto onde é gerado o golpe de aríete.

 

 

A gama ANTISHOCK é composta de dois modelos:

  • O amortecedor de golpe de aríete instalado no topo de um manifold de distribuição ou directamente na tubulação através de um T de ligação;
  • O amortecedor de golpe de aríete para colocar por baixo das louças sanitárias, especificamente configurado para ser instalado directamente entre a ligação flexível da torneira e os registros de parede.

 

 

 

 

Last modified: 
04 Maio 2021
Hidráulica
PARTILHAR EM: