02 novembro 2022

Como garantir a eficiência e a sustentabilidade efetivas com as soluções CALEFFI?

Desde o seu início, 2022 está a ser um ano desafiante — após um verão quente, de extremo calor e inúmeros incêndios, registando-se a pior situação de seca do último século — segue-se um inverno com muitas incertezas em consequência das questões pandémicas, dos efeitos da guerra em curso e da crise energética que se faz sentir na Europa.   

Sabemos que melhorar a eficiência energética é o princípio básico da descarbonização e que a melhor redução do consumo energético está associada à energia que não é consumida ou àquela que utiliza o renovável de forma integrada. A atenção em torno das mudanças climáticas é um dos mais importantes desafios que a humanidade deve enfrentar no século XXI, e tal requer um envolvimento no processo de mudança para uma economia descarbonizada.

A Europa tem a ambição de criar uma sociedade de impacto zero a partir de 2050. Muitas medidas foram tomadas para tornar esta transição um sucesso. Exemplo disso, são os diversos esforços que estão a ser feitos para tornar as construções mais sustentáveis: muitos proprietários avaliam e procedem à substituição das caldeiras tradicionais por bombas de calor, também graças aos incentivos. Uma avaliação global de cada caso ajuda a definir melhor como estruturar a instalação e como garantir a sua proteção e uma longa vida útil.

Para fazer face a estes desafios, apresentamos algumas soluções que contribuem para a redução do desperdício de energia, maximizando a eficiência energética.

Filtro de sujidade magnético: o combate às impurezas na instalação com bomba de calor

Uma instalação eficiente consome menos, quer em termos de energia quer de custos.

O filtro de sujidade magnético CALEFFI XF representa uma das soluções mais eficazes para a proteção das instalações contra os danos causados por partículas ferrosas e por impurezas presentes na água.

Os diversos componentes que constituem uma instalação de climatização estão expostos a uma ação de desgaste por parte das impurezas que circulam no fluido termovetor. Se estas não forem corretamente eliminadas, podem causar bloqueios e gripagem das bombas, menor rendimento dos permutadores de calor, funcionamento irregular das válvulas e permuta térmica insuficiente.

No caso específico da instalação com bomba de calor, que é muito complexa e sensível, a utilização do filtro de sujidade magnético é imprescindível. As impurezas podem, de facto, obstruir as passagens internas mais estreitas ou impedir o correto funcionamento dos componentes de regulação interna. Sendo a bomba de calor uma fonte que beneficia de saltos térmicos baixos, mesmo as pequenas variações de caudal podem afetar negativamente o seu desempenho.

O CALEFFI XF  elimina logo desde a primeira passagem, mantendo a sua eficácia ao longo do tempo, garantindo uma ação de filtragem otimizada, maximizando a eficiência da instalação, uma maior poupança energética e custos de manutenção reduzidos.

Continuando no tópico das bombas de calor, apresentamos um outro produto:

Como as válvulas antigelo da CALEFFI contribuem para a eficiência energética dos sistemas com bomba de calor?

Atualmente, as bombas de calor monobloco já estão amplamente difundidas no mercado português. Trata-se de bombas que possuem uma unidade externa conectada diretamente à instalação através de tubagens de ida e de retorno, sendo estes os sistemas sujeitos ao risco de congelamento. Para o evitar, muitos instaladores opam por cabos de aquecimento anticongelamento, porém esta solução não é a ideal, especialmente nos casos em que podem ocorrer falhas de energia.

A válvula de segurança antigelo série 108, é um sistema de proteção mecânica que permite a descarga da água contida no circuito. Sendo mecânica, funciona perfeitamente mesmo na ausência de eletricidade.

Quando a temperatura da água na tubagem atinge os 3 ºC, o obturador da válvula antigelo abre e efetua a descarga da água (é indispensável um grupo de enchimento ativo). O fecho do obturador ocorre quando a temperatura do fluido regressa aos 4 ºC.

A versão com sensor de ar permite o funcionamento do sistema em arrefecimento, mesmo com temperaturas da água próximas de 3 °C. Em tais condições, a intervenção do sensor de ar impede a descarga da água.

DIRTMAGPRO®: duplo íman, dupla eficiência

Uma instalação livre de impurezas torna-se mais eficiente, reduzindo os custos.

O DIRTMAGPRO® série 5457 é uma adição à nossa linha de sucesso de separadores de sujidade e é ainda mais potente e eficiente que o seu antecessor, o Caleffi DIRTMAG®, especialmente para utilização em instalações onde se verifica um nível mais elevado de sujidade.

O separador de sujidade separa as impurezas que circulam nos circuitos fechados das instalações, como partículas de areia e lama, perante perdas de carga muito baixas. Tais impurezas são recolhidas numa ampla câmara de decantação, que reduz a frequência de limpeza, e da qual podem ser descarregadas mesmo com a instalação a funcionar. Por sua vez, o anel magnético removível e os ímanes posicionados no centro do fluxo retêm as impurezas ferromagnéticas.

O DIRTMAGPRO® está equipado com um novo elemento interno inovador, o que resulta numa eficiência 30% superior relativamente à versão tradicional. Realizámos diversos testes e estudos que demonstraram que os nossos separadores de ar e de sujidade economizam até 15% de energia na instalação completa.

Filtro de sujidade magnético para instalação sob a caldeira – CALEFFI XS

Uma instalação livre de impurezas torna-se mais eficiente, reduzindo os custos.

O filtro de sujidade magnético para instalação sob a caldeira Caleffi XS® separa mecanicamente as impurezas contidas nas instalações de climatização através de um filtro de malha, um íman de neodímio e uma câmara de recolha das partículas mais pesadas. A câmara possui janelas transparentes que permitem verificar a necessidade de limpeza dos elementos internos. As suas dimensões extremamente reduzidas permitem que seja utilizado em todos os tipos de caldeiras.

Por fim, mas não menos importante, a CALEFFI propõe a otimização da gestão de todo o sistema de aquecimento da sua habitação.

Controlar o seu sistema de aquecimento nunca foi tão simples com CALEFFI CODE®

CALEFFI CODE® permite controlar separadamente a temperatura de cada um dos espaços da sua casa. Gira cada espaço onde quer que se encontre e em qualquer momento, através da app CALEFFI CODE® para smartphone. Adapte a temperatura às suas exigências com simples passos.

Inteligente e intuitivo, trata-se de um sistema que nasce da investigação e da fiabilidade, permitindo o controlo do ambiente de cada zona da habitação, de forma remota e independente, quer em instalações autónomas quer centralizadas.

Uma atenção especial foi dedicada também ao design: elegante e minimalista, o Caleffi CODE® adapta-se perfeitamente a todas as situações de decoração e estilo, apresentando linhas simples e duas opções de cor (o preto e o branco).

O máximo conforto e otimização energética estão sustentados num comando wireless Comfort Control em cada sistema terminal (radiador), um sensor externo (opcional) e um gateway que permitem gerir a temperatura através de uma app móvel (Android e iOS).

Reduzir custos e emissões com DYNAMICAL® e Caleffi CODE®

O poderoso conjunto composto pelas válvulas termostáticas dinâmicas DYNAMICAL® série 230 e pelo sistema CALEFFI CODE® série 215 maximiza o conforto térmico, assegurando a redução do consumo energético e o retorno do investimento num curto intervalo de tempo.

A sua aplicação garante uma redução real dos consumos de energia primária: o ajuste automático e dinâmico do fluxo de água que circula através dos radiadores reduz custos de funcionamento e aumenta a eficiência de todo o sistema. Outra vantagem é a poupança de tempo e a eliminação de custos envolvidos para o balanceamento correto de uma instalação, normalmente realizado por um instalador.

A união dos três componentes da válvula DYNAMICAL® (válvula termostática, válvula de pré-regulação e válvula de controlo da pressão diferencial) permite o controlo ótimo da potência emitida pelo radiador. Esta condição é ainda mais otimizada graças à capacidade da válvula em limitar os desperdícios de energia e prevenir problemas de ruído nas instalações de caudal variável. A particularidade de construção do seu núcleo permite ter um corpo compacto, muito semelhante às válvulas termostáticas tradicionais, quer direitas quer em esquadria.

Last modified: 
03 novembro 2022
PARTILHAR EM: