04 abril 2022

Como controlar a pressão diferencial em instalações térmicas antigas quando não existe acesso à base da coluna?

A adaptação dos sistemas de climatização, com a instalação de comandos termostáticos e circuladores de velocidade variável, veio expor algumas problemáticas relativas às antigas instalações centralizadas. Particularmente, evidenciou como o desequilíbrio, que permaneceu até agora em segundo plano, devido aos elevados caudais e alturas manométricas envolvidas, pode afetar negativamente o conforto térmico de todo o edifício.

Balanceamento de antigas instalações térmicas centralizadas

De forma a controlar eficientemente as instalações, transformadas com caudal variável,  é necessário inserir sistemas de balanceamento dinâmico, como reguladores de pressão diferencial. Estes dispositivos permitem que os componentes instalados no segmento controlado operem de forma ideal sob a variação contínua das condições de carga, típica desses sistemas.

Como intervir em antigas instalações centralizadas em espaços pequenos ou inacessíveis?

Nem sempre é fácil encontrar o local adequado para a inserção desses componentes, principalmente quando se intervém numa instalação de colunas montantes. 

O ponto de instalação ideal (a base da coluna) está muitas vezes inacessível, se não se recorrer a obras de alvenaria dispendiosas. Nestes casos, é possível intervir diretamente na válvula do radiador, substituindo os dispostivos antigos pelos novos DYNAMICAL®.

                                                                                                                                                                                                             

De facto, o núcleo desta série especial integra, particularmente, um regulador de pressão diferencial capaz de anular o efeito das flutuações de pressão dentro da instalação. Além desta função muito importante, a válvula DYNAMICAL® tem outras funcionalidades.

Graças ao sistema de pré-regulação interno, permite limitar o caudal máximo no valor desejado, para que o fluido vetor seja distribuído corretamente por todos os radiadores.

Sendo uma válvula termostática, é possível instalar o comando termostático diretamente no componente. Neste caso, ambos os dispositivos de regulação estão dentro do campo controlado pelo regulador ΔP, portanto, não estão sujeitos a uma pressão diferencial excessiva que possa, efetivamente, afetar o seu desempenho ou criar ruído na válvula.

 

 

Para regular eficazmente este componente, basta regular o valor de pré-regulação de acordo com o caudal exigido pelo radiador e garantir a altura manométrica mínima de cerca de 1 m c.a. (1,5 m c.a. para as posições 5 e 6).

Se as características da instalação não forem conhecidas, bastará utilizar o kit de medição Δp para verificar se o valor mínimo da altura manométrica é respeitado.

 

 

 

Last modified: 
19 julho 2022
Aquecimento
PARTILHAR EM: